jusbrasil.com.br
14 de Dezembro de 2018
    Adicione tópicos

    ESTUDANTES DE ESCOLA PÚBLICA PODEM TER PELO MENOS 20% DAS VAGAS DE ESTÁGIO NO PODER PÚBLICO

    Os estudantes das escolas públicas podem ter assegurado 20% das vagas de estágios nos poderes Executivo, Legislativo e Judiciário. Este é o objetivo do projeto de lei 393-A/11, do deputado Samuel Malafaia (DEM), que foi aprovado, em segunda discussão, pela Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) nesta quinta-feira (06/12). O projeto ainda voltará ao Plenário para ser votado em redação final.

    Durante a votação, o texto recebeu uma emenda, que além de estabelecer os 20% (antes 30%), definiu que metade desse percentual deverá ser preenchido por estudantes negros, indígenas e quilombolas. “Eu concordo com a mudança. É aqui que esses projetos de lei são melhorados. Todo mundo poderá estagiar”, declarou o autor da lei.

    O texto ainda define os critérios que deverão ser estabelecidos para a escolha dos estudantes, como a realização de uma prova, ter baixa renda familiar e apresentar frequência nas aulas. O estágio será de seis meses, podendo ser renovado por outros 18 meses. “Esses jovens irão adquirir conhecimento e experiência para se tornarem mais competitivos no mercado de trabalho”, justificou o autor da medida.

    0 Comentários

    Faça um comentário construtivo para esse documento.

    Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)